Pesquisar

domingo, 2 de abril de 2017

Você sabe como as Bolhas são fabricadas?

As bolhas são fabricadas através de uma técnica chamada "Vacuum Forming" (Termoformagem à Vácuo). Para que você entenda esse processo se faz necessário conhecer outros aspectos. O perfeito equilíbrio aplicado entre o calor e poder de sucção do vácuo durante o processo de moldagem dão as peças termoformadas precisão nas dimensões e ótima qualidade de acabamento, quer sejam peças em relevo positivo ou negativo e alto ou baixo relevo.

Para entender melhor essa parte de relevo, explico que muita gente confunde "Baixo Relevo" com "Relevo Negativo".

Calma, vamos ver o que isso significa.

Baixo Relevo - Quando a imagem esculpida não ultrapassa mais que 50% de seu volume acima do plano de referência. Como um exemplo bastante comum temos o Baixo Relevo estampado em moedas. Note que as imagens são rasas, com uma pequena altura acima do plano das moedas, isso caracteriza o BAIXO RELEVO. Veja as imagens abaixo:


Alto Relevo - É caracterizado quando a imagem esculpida tem mais que 50% de seu volume acima do plano de referência, ou seja, vemos a imagem projetada. Essa técnica é a mais difícil de se termoformar visto que com essa característica o material termoplástico abraçaria o molde e seria impossível de se desmoldar sem que se estragasse o molde ou a peça. Veja alguns exemplos:


Relevo Negativo - Essa técnica é caracterizada pela imagem esculpida abaixo do plano de referência, ou seja, não há nenhuma altura do plano de referência, sendo ela totalmente feita para baixo. É comumente confundida como BAIXO RELEVO, porém, é uma técnica totalmente diferente do que se fala por aí. Veja algumas imagens:



Características
O processo de Vacuum Forming ou Termoformagem, alia a precisão técnica à versatilidade em produção de peças com variados materiais chamados de Termoplásticos, com extensa gama de produtos.

Por tais características a Termoformagem pode ser utilizada para produção de quantidades grandes ou pequenas, mas que exigem precisão, beleza, durabilidade, resistência e opções de design.

Moldagem 
As peças são moldadas nas mais variadas cores e texturas utilizando-se termoplásticos como Poliestireno (PS), Polietileno Alta Densidade (PEAD), Polipropileno (PP), ABS, PET, PET-G, EVA, Acrílico, Policarbonato e outros.

Para se fazer a termoformagem é necessário ter os moldes. Esses moldes podem ser criados de diversos materiais como madeira, alumínio, gesso, resinas de alta densidade e massa plástica. O cuidado que se deve ter é saber o limite de temperatura que resiste cada um desses moldes, visto que receberão um aquecimento muito grande e podem não resistir por muito tempo.


  
Molde em Alumínio Usinado                                                        Molde em Madeira

   
Molde em Gesso                                                                       Molde em Resina e Massa Plástica 

Com os moldes prontos, eles são colocados abaixo de uma placa de termoplástico que é aquecido até próximo de seu ponto de fusão. Daí o termoplástico é colocado em contato com o molde e uma sucção de vácuo acomoda o termoplástico em volta do molde completamente, formando cada detalhe do molde.



Essa é uma das técnicas de termoformagem com apenas um MOLDE em formato Positivo, ou seja, para cima do plano.

Existem outras técnicas onde se tem um MOLDE e um CONTRA-MOLDE, onde o objeto abraça por completo o termoplástico. Com essa técnica a bolha fica muito mais rica em detalhes, com curvas e bordas mais acentuadas. Um exemplo de Termoformagem de Molde e Contra-Molde são as Bolhas da TAMIYA, uma das melhores bolhas já fabricadas no mundo todo.

Veja abaixo a diferença:

Algumas Bolhas são tão complexas, visto suas características de moldes com partes NEGATIVAS, ou seja, com partes voltadas para dentro, como a dianteira com um para-choques protuberante, ou detalhes que dificultam a desmoldagem. Nestes casos são feitos moldes Bipartidos ou até mesmo Tripartidos. Veja um exemplo logo abaixo:

 

Esse tipo de Molde facilita a desmoldagem visto que retira-se primeiro a parte do meio, depois a dianteira e a traseira, ficando com uma bolha bastante detalhada e resistente. Ex: Bolha TAMIYA Mazda MX-7.


Veja abaixo um vídeo sobre como são feitas as Bolhas.


Por: Marco Daher









Por: Marco Daher